AREA DO ASSINANTE
UsuarioSenha
- HOME
- Alojamento
- Estatistica
Rica em colágeno, clara de ovo combate flacidez do rosto

Rica em colágeno, clara de ovo combate flacidez do rosto

Estudo da Novartis comprova presença no Brasil de bactéria potencialmente causadora de diarréia e perdas econômicas em aves brasileiras

 A Braschyspira patogênica, sem registro anterior no país,  foi encontrada em granjas do sul e pode ser responsável por perda de produtividade

São Paulo, 31 de julho de 2009 - Estudo da Novartis Saúde Animal em parceria com o Laboratório Simbios (Canoas-RS) constatou a presença de subtipos patogênicos de bactéria comumente isolada em países europeus e até então não relatada no Brasil: a Brachyspira sp. Algumas espécies desta bactéria são comprovadamente patogênicas e estão relacionadas a um quadro clínico chamado de espiroquetose intestinal aviária. Foram avaliadas nove granjas da região Sul, área que concentra 55% da criação de aves do País, e, em todas, as espécies mais patogênicas como a  Brachyspira intermedia e Brachyspira pilosicoli foram encontradas. Para se ter uma idéia, na Inglaterra aproximadamente 70% das matrizes de frango de corte são tratadas dessa doença.

De acordo com o gerente de produtos de aves e suínos da Novartis Saúde Animal e médico veterinário Guilherme Borchardt Neto, as Brachyspiras são bactérias comuns que, em geral, fazem parte da flora intestinal normal das aves. No entanto, alguns subtipos são colonizadores oportunistas, comprovadamente relacionados à desordem intestinal, subaguda ou crônica. Esta desordem é caracterizada por diarréia leve a moderada que, na maioria das vezes, não chega a alarmar o produtor. No entanto, este quadro “leve” em geral vem acompanhado por queda no ganho de peso e conversão alimentar (CA), queda da produção e da qualidade dos ovos (casca e peso) o que impacta muito nos ganhos financeiros do lote afetado.

 

O que a bactéria causa nas aves e como tratar a doença?

Em algumas situações, as Brachyspiras patogênicas promovem uma síndrome da má absorção dos nutrientes, levando à menor absorção água, gorduras, minerais etc. Isso causa alteração na consistência e tipo das fezes, levando à diarréia leve a moderada, e determinando a queda de produtividade. Estima-se, por exemplo, que a queda na produção de ovos seja de 10% a 15%.

“A falta de conhecimento sobre essa bactéria e até mesmo sobre a possibilidade dela estar nos cridouros brasileiros, na maioria das vezes, faz com que os casos de diarréia leve e moderadas  em aves não sejam diagnosticados e tratados corretamente, levando a  queda na produtividade e afetando comercialmente os criadores”, comenta Guilherme.

Após estes primeiros dados,  a Novartis Saúde Animal pretende ampliar o estudo para outras regiões do país para verificar a prevalência da espiroquetose em outras praças. Também, a Novartis está buscando parcerias em centros e laboratórios de pesquisa e Universidades para realizar estudos sobre os impactos das Brachyspiras patogênicas nas condições brasileiras.

Em lotes afetados, a prevenção e/ou o  tratamento pode ser feito com antibióticos. Nestes casos, a Tiamulina é o antibiótico mais recomendado, uma vez que as Brachyspiras apresentam uma alta sensibilidade a ela.

 

Abs,

 

Luiziana Ribeiro

In Press Porter Novelli Assessoria de Comunicação

Tel.: 55 11 3323-1565

luiziana.ribeiro@inpresspni.com.br

www.inpresspni.com.br



Veja mais notcias

27/08/2013 OvoSite e Revista do Ovo organizam evento para postura em parceria com a UBABEF
08/04/2013 QUESTÕES MAIS COMUNS QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O TIFO AVIÁRIO
22/05/2009 Laboratório Biovet participa do 21o. Congresso Brasileiro de Avicultura
12/12/2008 Biovet posiciona-se entre as melhores do Brasil com ampla linha de soluções para saúde animal